História de Sucesso

Leandro Jorge Almeida Leandro Jorge Almeida

Categoria:Conheça um Aluno
Cidade: Brasília
País: Brasil

Longe de pretender ser roteiro premiado do cinema, minha história retrata um período similar ao de muitos adultos recém-promovidos, momento no qual tive que fazer minhas opções e tomar minhas decisões, às vezes nem tanto difíceis, mas sempre norteadas pela busca da realização pessoal e da conquista do sucesso profissional de maneira ética e responsável.

Logo após terminar o 2º grau, lá pelo fim dos anos 80, ingressei imediatamente na faculdade para cursar Administração de Empresas. Naquela época eu julgava que a Administração, juntamente com o Direito e a Medicina, era ciência das mais completas, por abranger diversas áreas do conhecimento humano e por considerar sua vasta aplicação.

O problema é que outra paixão me atraía há mais tempo e inclinava-me irresistivelmente em sua direção. Esta paixão tinha o nome de Aviação, não sei se por ver desde muito jovem, ainda no colo de meu pai, o concorde decolar do Galeão (atualmente Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim) com seu ronco ensurdecedor, deixando um imenso rasto de fogo de suas turbinas, ou se por achar o cheiro de querosene das antigas turbinas de jato o mais puro perfume, melhor do que os Channel e Dior com toda sua elegância e requinte, ou simplesmente por acreditar que o desafio de dominar a arte de voar valeria minha vida. A verdade é que meu coração pertencia ao desafio de lançar-me fora do chão, de ganhar o infinito e me aproximar das estrelas no firmamento, de sentir a velocidade e a força da gravidade, de dominar aquelas máquinas fantásticas que encurtavam as distâncias, estreitavam os laços entre as nações e facultavam aos que destarte tomavam parte a alcançar o titulo de Cidadãos do Mundo.

O problema é que, como já tivemos a oportunidade de estudar em microeconomia, desejamos adquirir mais do que podemos e, por conta disso, temos que fazer escolhas todo o tempo, com vistas a satisfazer nossos sonhos. O ativo “tempo” ficou escasso em virtude das muitas viagens e o sonho de me tornar Administrador ficou incompatível em determinado momento, tendo, portanto, de ser adiado. Quinze anos mais tarde o sucesso profissional fora consolidado na carreira abraçada, traduzido no desempenho da função de Comandante Internacional de uma das aeronaves mais modernas da atualidade, o que faz-me sentir realizado. No entanto, igualmente ao que preconiza a hierarquia das necessidades de Maslow, uma vez saciada uma necessidade, partimos para um novo nível de aspirações, que no meu caso se traduz no sonho de completar minha formação acadêmica em Administração de Empresas que fora interrompida outrora.

Surge então a AIEC, em um momento em que a metodologia de EAD começava a ser difundida com mais vigor, e que, portanto, vinha ao encontro dos meus desejos: buscava uma instituição que primasse pela qualidade, desejava ampliar meus horizontes e desenvolver minha capacidade intelectual, com pouco tempo disponível em virtude do trabalho e da exigência de atenção que demanda a família, sem contar os afazeres domésticos.

Para minha sorte, logo no primeiro encontro presencial, tive a oportunidade de assistir a uma palestra do professor Vicente, que narrava um pouco da sua história e contava de modo simples aos novos alunos como surgira a AIEC, os pilares que sustentavam a instituição e sua metodologia de ensino. Pude perceber a necessidade do desenvolvimento das capacidades (técnica, humana e conceitual) que o professor se referia, o quanto é contemporâneo este conceito e atual esta abordagem. A partir daquele momento percebi que tomara parte de um projeto maior, em que estava em jogo não só a formação acadêmica, como também o descortinar de um novo mundo de oportunidades e desafios que surgiram em minha nova vida. Cinco rápidos semestres se passaram e hoje prestes a iniciar o 6º período, vejo-me instigado não só a dar continuidade ao desenvolvimento intelectual, como também inclinado a encarar novos desafios nesta plêiade de oportunidades que a ciência Administração de empresas nos propicia.

Tenho hoje a certeza de que os conhecimentos que já desfrutei me tornaram, além de mais capaz tecnicamente, melhor aparelhado para lidar com as diferenças, mais hábil na gestão dos diferentes mapas mentais que nos cercam em todos os instantes da nossa vida, tudo isso com olhar holístico, buscando na interação das partes constituintes do sistema o melhor arranjo, o meio mais eficiente de obter o melhor resultado. Certamente, melhor preparado que ontem e menos apto que amanhã para as demandas e desafios que hei de superar e conquistar.